quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Diálogos psicológicos

O que nos move? Vocês querem o que desejam? O que queremos quando fazemos o curso de Psicologia? O que você espera dessa profissão? 
Vamos construindo nosso modo de ser nesse campo profissional muito de acordo com o que acreditamos enquanto visão de mundo. Mas é certo que o curso de Psicologia e a diversidade com a qual somos convidados a conhecer nos transformam dia-a-dia. Somos cada vez mais sensíveis às questões e conexões do meio social e com o comportamento de cada um; suspendemos nossos pré-conceitos e ouvimos o outro no que há de mais puro e próximo daquilo que o outro nos mostra.
A parte essas reflexões sinto a cada dia mais que o profissional da saúde, em especial nós que convivemos com o outro o tempo todo, nós enquanto profissionais devemos conhecer nossos próprios limites pessoais e profissionais. Sim, é fundamental que a gente saiba o que nesse universo tão amplo e complexo bate em nós a ponto de nos desestruturarmos. Pois é a partir desse olhar para nossas próprias questões conflitantes e para nossas próprias questões limites que saberemos nosso lugar na construção conjunta que é o papel do psicólogo com o outro.Não seremos menores com isso, ao contrário, seremos honestos com nós mesmos, com o outro e com nossa atuação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário